What I love about you. (ou: Dizer eu te amo nao diz tanto assim!)

•January 16, 2011 • Leave a Comment

O que eu amo em você? O que eu amo na maior parte das pessoas que eu amo? O todo é menor que as partes. A gestalt me diria o oposto, mas a minha percepção agora não vai dar ouvidos ou reflexão a essa lei da forma. Definitivamente amo pequenas coisas nos que eu amo. São coisas que as fazem maiores, as caras, atitudes, surpresas, obviedades, as coisas que eu já espero porque fulano simplesmente é assim, ainda bem!

Já parou pra pensar o que você ama em pelo menos 3 pessoas que você realmente destaca do planeta inteiro pra você? Podem ser defeitos, pode ser físico, pode ser espiritual, pode ser qualquer coisa, mas você já parou pra esse exercício?

Sugiro que você o faca. Acho que quando a gente chega a resposta como essa chega mais perto da gente mesmo. O que eu sou senão o que eu amo, odeio, como, sou, não sou, visto? Eu sou as coisas que eu uso, produzo e ignoro. Eu sou o que eu amo.

Não acho que auto conhecimento seja uma coisa possível, não como um todo. Ninguem se conhece e isso é o que torna nossa convivência conosco minimamente possível, sem grandes surtos…ne? Pelo menos no geral…

Amo a risada, amo o jeito inocente que me escuta mas não me entende, amo o quanto me respeita e me olha nos olhos me admirando, amo a criança que existe nela, amo o eterno querer, amo a simplicidade dos sentimentos dele. Amo quando ele tenta em vão se adaptar a esse mundo, ele simplesmente não pertence aqui, é um desajustado! Amo quando ela esta de um humor e a gente pode ser feliz fazendo qualquer coisa. Eu sou isso tudo que não habita em mim porque eu sou tudo que eu vejo em você também.

Dizer o que se ama em alguem pode dizer mais que falar ” eu te amo”.

Advertisements

Novas aventuras

•October 1, 2010 • Leave a Comment

no http://lixoeluxo.wordpress.com/

Uma Definicao.

•September 5, 2010 • Leave a Comment

Alien-ACAO

De acao tem mto mesmo. Se alienar eh uma coisa assim… pah pum. Mas n eh tao somente sentar na cadeira e ver tv. Nao eh. Nao eh tb apenas, ler um milhao de livros e se tornar um virgem mto culto. Alienado n eh soh  akele q  n sabe qm matou Odete Roitman.

Alienado eh o homem que acima de tudo eh fruto do modo contemporaneo.

Eh o produto dessa logica atual e tb mto antiga do Capitalismo. O alienado eh incapaz e completamente dependente do poder externo. Filho de uma angustia e encontra no Consumo um alento, um alivio.

Ele se sente livre quando concretiza sua prisao. Eh mais uma peca na engrenagem da maquina do poder.

Essa maquina eh um disfarse da realidade, eh o que reside na ficticia neutralidade cientifica inaugurada a poucos seculos atras.

Ela o faz crer que a parte que o compete eh onde ele eh mais “livre”:  Na escolha de satisfazer seus desejos, com a promessa de um gozo inalcancavel.

Isso eh apenas uma definicao. Nao tem como objetivo atacar ou defender mais do que o faz por essencia.

Nunca um ponto final

•June 28, 2010 • Leave a Comment

Perder. Nao eh a primeira nem a ultima vez que eu vou terminar alguma coisa.

Um pacote de biscoitos, livros, aulas, noites, jogos, amores.

As coisas se renovam a todo instante. Ha celulas em mim que estao acabando todo dia. Acabando… sem volta.

Nao sei por que a falta de retorno apavora tanto. O fim apavora. O medo de ser diferente, de nao ter, de nao saber lidar com aquilo que se GANHA a toda perda…a todo…momento…

E o que se ganha a todo momento? A falta. Constitutiva falta. Querida falta. A falta eh quem me ensina a cada momento a querer mais. Mais biscoito, mais prazer, mais leituras, aulas, jogos, noites e amores!

A falta eh uma bencao! Ela me ajuda a encarar meus defeitos mais sombrios. Minhas fraquezas tambem.

“Eh na dor que mais se aprende.”

Nao sei. Aprendi o que quando perdi tudo que ja n tenho? Aprendi a continuar desejante! Desejante sempre!

Uma das coisas que me mantem viva eh a ideia de que ainda n tenho (e a forte desconfianca de que nunca terei), eh a ideia de que a Falta  habita meu intimo e alimenta meus monstros verdes.

Quero entao, de peito aberto dizer que a minha falta me eh tao querida quanto a sua presenca!

Ainda a astrologia

•March 16, 2010 • 1 Comment

Isso tudo pode se tornar muito elaborado para algumas pessoas. Librianas são capazes de passar horas discutindo uma relação – o que há de errado com ela, o que há de certo nela, como “Nós” (não esqueça da palavra real libriana: “Nós”) podemos torná-la melhor. No final, apesar de sua inteligência extraordinária, a libriana o surpreenderá, pois sua capacidade de ação para atingir esses ideais é pouco convincente emocionalmente.

A natureza dos sentimentos da libriana é bastante infantil, muito poderosa e geralmente reprimida. Quando se tornam horrivelmente racionais e discutem emoções como um debate político com prós, contras e sugestões de acordos justos, é possível que você fique com vontade de fazer algo muito simples, como atear fogo à casa e sair gritando por aí. Mesmo assim, ter uma parceira razoável pode ser um verdadeiro bônus: significa que você pode racionalizar com ela.

É claro que há momentos em que a razão não tem lugar no amor e muitas vezes, esta é a lição mais difícil e dolorosa para uma libriana. Pode ser que você tenha que esperar por muito tempo até que sua parceira libriana lhe dê uma resposta emocional genuína e espontânea, que não foi previamente pensada e estudada. Mas, se você for capaz de compreender e respeitar uma libriana pela necessidade de harmonia e comportamento civilizado, isso poderá fazer toda a diferença.

Librianas podem ser gentilmente coagidas a confiar em suas emoções, se o relacionamento tiver respeito mútuo. Mas elas não vão mudar. Se você não conseguir aceitar a tendência inata da libriana de apoiar-se na razão, tente algo um pouco mais explosivo, como uma ariana ou uma escorpiana. A necessidade de companheirismo torna as librianas muito amistosas, e se você é um tipo ferozmente independente que gosta de fazer tudo sozinho, poderá passar por maus momentos com uma pessoa de Libra, que gosta de fazer tudo junto.

Elas não são nem um pouco fracas. Longe disso. Librianas podem ser determinadas, tenazes e incontíveis se acreditarem em um ideal. Acontece que elas adoram as pessoas e mesmo uma libriana quieta e introvertida precisa de um companheiro com o qual possa dividir ideais e sonhos. As pessoas de Libra têm um interesse profundo em fazer um relacionamento dar certo. Se você se envolver com uma libriana, será o beneficiário deste idealismo romântico. Por uma qualidade tão inestimável, vale a pena aprender a comunicar-se com sua parceira, ao invés de se dissolver em lágrimas ou gritar e bater a porta.

Mapa Natal

•March 11, 2010 • Leave a Comment

Sol em Balança (Este é o seu Signo de nascimento)
Ela adora tudo o que é social. Procura o equilíbrio e a harmonia em tudo: busca o complemento nos outros. Gosta de fraternizar, procura as uniões. Gosta da justiça e respeita-a. Aprecia os valores da sociedade.
É ponderada, e assimila as coisas rapidamente. Tem uma orientação estética.
Pontos fracos: Demasiada irreflexão. É muito frívola. Esquece rapidamente os seus amores. É muito sensível à aquiescência dos que a rodeiam.

Sol na 9ªcasa
Grandes estudos científicos. Ideal superior. Ela tem aptidão para as línguas estrangeiras, o que se torna bastante útil, porque muito provavelmente chegará a viver no estrangeiro. Êxito profissional no estrangeiro.

170 SXT Sol – Lua
Aspecto positivo: Ela tem muita vitalidade. Gosta da vida pública, é popular e a sua companhia é apreciada. É equilibrada, de bem consigo própria, entende-se bem com os pais.

55 CON Sol – Júpiter
Aspecto positivo: Ela tem grandes ambições sociais. Respeita a justiça e as leis. É tolerante, optimista, benevolente. Tem absolutamente tudo para conseguir vencer profissionalmente sem nunca sair da legalidade.

85 CON Sol – Saturno
Aspecto positivo: Ela gosta de trabalhar só, no meio da calma. É uma pessoa minuciosa, paciente, séria e gosta de ordem. Poderá empreender tarefas longas, difíceis e delicadas, pois consegue sempre terminá-las.

Lua em Sagitário
Gosta de se lançar em tudo o que é desconhecido. Adora a aventura. É ágil, corajosa e entusiasta. Sente desejo de longas viagens, de conhecer o estrangeiro. Mudanças frequentes de residência. Tendência para o divórcio.
Pontos fracos: Arrisca-se demais pois lança-se no meio do desconhecido e nas aventuras. Audácia, temeridade, rebelião. Não consegue ficar muito tempo no mesmo lugar, e está sempre pronta a arriscar tudo para conseguir chegar ao seu objectivo.

Lua na 11ªcasa
Ela tem muitos amigos e relações. Fraterniza facilmente e aproveita-se das suas relações para conseguir o que quer na área profissional. Os seus sentimentos de amizade são superficiais. Vários filhos e objectivos variados na vida.

223 SXT Lua – Saturno
Aspecto positivo: Ela domina os seus sentimentos. Tem o sentido do dever, do amor-próprio e é uma pessoa prudente. Poderá concentrar-se num trabalho bastante longo, manual ou intelectual. É uma pessoa perseverante e séria em tudo.

Mercúrio em Escorpião
Faz trocadilhos com as palavras, argumenta, critica, graceja, ironiza e goza. É astuta e encontra sempre a solução para os seus problemas. Possui grande curiosidade e perspicácia. Tem um espírito incisivo que vai directamente ao fundo dos problemas.,

Sinceramente…

•March 3, 2010 • Leave a Comment

Eu nao tenho resposta pra quase nenhuma das minhas perguntas.  Mas uma coisa eu sei, se existisse  uma melhor distribuicao de compaixao  no mundo… de repente a minha irma nao trouxesse dois cachorros pra contaminar o meu quarto com carrapatos.

Me diz, como alguem pode achar que nao tem nada demais trazer um cachorro com carrapato pra casa de outra pessoa?! Me diz como alguem nao pensa que nao deve e nao tem em si uma trava que o impede de fazer essa sacanagem? Mesmo que eu nao tivesse gatas, nem mesmo assim alguem que tivesse um pingo de COMPAIXAO…

16 carrapatos em menos de 12 horas.

ahn qr saber?

enquanto escrevo essa indignacao outras estao surgindo…online.

Sinceramente…tem dias que as coisas sao taaaao mais dificeis!